Archive for agosto \31\UTC 2009

Disney compra a Marvel

agosto 31, 2009

marvel-552x316

Essa o mundo do entretenimento não esperava, a Walt Disney Co, anunciou a compra da Marvel, ou seja, todos os filmes, séries, desenhos, quadrinhos e milhares de personagens. Tudo por 4 Bilhões de Dólares.

A Disney, por exemplo, responde não só por gibis do Tio Patinhas, pelos parques de diversão e pelas animações da Pixar. Ela engloba também o canal ABC (de Lost e Desperate Housewives), um dos líderes em audiência nos EUA, as produtoras de cinema Touchstone e Miramax, canais de TV a cabo como Jetix e The History Channel, a editora Hyperion Books e a maior parte da ESPN.

A DC Comics, também faz parte de um conglomerado, a Time Warner, que – por acaso ou não – disputa diariamente com a Disney a posição de maior do mundo. Time Warner, novamente, não é só Superman e Pernalonga, mas a America Online, os canais HBO (de Família Soprano e True Blood), The CW (de 90210 e Smallville), Cartoon Network, uma parte da CNN, a revista Time e muita, mas muita coisa.

Se a Disney seguir o padrão da DC que é ministrada separadamente do resto da Warner. Jeffrey Bewkes, presidente da Time Warner, não dá opinião sobre o que a DC publica.

Vale lembrar que a Marvel já teve outros donos. Em 1968, o fundador Martin Goodman vendeu-a para a Perfect Film and Chemical Corporation (depois renomeada Cadence Industries). Em 1986, a editora virou propriedade da New World Entertainment, produtora de filmes e seriados de TV. Em 1989, foi para a MacAndrews & Forbes, um fundo de investimentos que abriu o capital da Marvel na bolsa de valores, decisão que levou a brigas judiciais e à concordata da editora em meados da década de 90.

(Curiosamente, o presidente da MacAndrews & Forbes, Isaac Perelman, falou que comprara a Marvel porque ela era “uma Disney em miniatura em termos de propriedade intelectual”.)

Em cada uma dessas mudanças, os rumos editoriais da Marvel foi duramente afetado – não tanto em termos de qualidade, mas certamente em quantidade de quadrinhos publicados (para menos ou para mais). Da mesma forma, a boa receptividade dos filmes de Blade, X-Men e Homem-Aranha a partir do fim da década de 1990 impulsionou a divisão de quadrinhos.

Será que o negócio Disney/Marvel pode afetar a publicação dos gibis no Brasil? É uma possibilidade que parece distante, mas a Disney tem um contrato de quase 60 anos com a Editora Abril no Brasil e de mais de 70 anos com a italiana Mondadori, rival da Panini, cuja subsidiária publica os quadrinhos.

Mas vamos lembrar que a Disney tem um padrão violento de qualidade e muito, mas muito dinheiro, quem sabe o Homem de Ferro não saia em Imax 3d?

0423jackman

Patrão com o seu novo funcionário.

Disney compra a Marvel

agosto 31, 2009

 

marvel-552x316

Essa o mundo do entretenimento não esperava, a Walt Disney Co, anunciou a compra da Marvel, ou seja, todos os filmes, séries, desenhos, quadrinhos e milhares de personagens. Tudo por 4 Bilhões de Dólares.

A Disney, por exemplo, responde não só por gibis do Tio Patinhas, pelos parques de diversão e pelas animações da Pixar. Ela engloba também o canal ABC (de Lost e Desperate Housewives), um dos líderes em audiência nos EUA, as produtoras de cinema Touchstone e Miramax, canais de TV a cabo como Jetix e The History Channel, a editora Hyperion Books e a maior parte da ESPN.

A DC Comics, também faz parte de um conglomerado, a Time Warner, que – por acaso ou não – disputa diariamente com a Disney a posição de maior do mundo. Time Warner, novamente, não é só Superman e Pernalonga, mas a America Online, os canais HBO (de Família Soprano e True Blood), The CW (de 90210 e Smallville), Cartoon Network, uma parte da CNN, a revista Time e muita, mas muita coisa.

Se a Disney seguir o padrão da DC que é ministrada separadamente do resto da Warner. Jeffrey Bewkes, presidente da Time Warner, não dá opinião sobre o que a DC publica.

Vale lembrar que a Marvel já teve outros donos. Em 1968, o fundador Martin Goodman vendeu-a para a Perfect Film and Chemical Corporation (depois renomeada Cadence Industries). Em 1986, a editora virou propriedade da New World Entertainment, produtora de filmes e seriados de TV. Em 1989, foi para a MacAndrews & Forbes, um fundo de investimentos que abriu o capital da Marvel na bolsa de valores, decisão que levou a brigas judiciais e à concordata da editora em meados da década de 90.

(Curiosamente, o presidente da MacAndrews & Forbes, Isaac Perelman, falou que comprara a Marvel porque ela era “uma Disney em miniatura em termos de propriedade intelectual”.)

Em cada uma dessas mudanças, os rumos editoriais da Marvel foi duramente afetado – não tanto em termos de qualidade, mas certamente em quantidade de quadrinhos publicados (para menos ou para mais). Da mesma forma, a boa receptividade dos filmes de Blade, X-Men e Homem-Aranha a partir do fim da década de 1990 impulsionou a divisão de quadrinhos.

Será que o negócio Disney/Marvel pode afetar a publicação dos gibis no Brasil? É uma possibilidade que parece distante, mas a Disney tem um contrato de quase 60 anos com a Editora Abril no Brasil e de mais de 70 anos com a italiana Mondadori, rival da Panini, cuja subsidiária publica os quadrinhos.

Mas vamos lembrar que a Disney tem um padrão violento de qualidade e muito, mas muito dinheiro, quem sabe o Homem de Ferro não saia em Imax 3d?

0423jackman

 

 

Patrão com o seu novo funcionário.

“Médium” prevê acidente com lucro de 28 milhões, soldados judeus esmagam homicida mascarado? Esta é a Bilheteria da Semana!

agosto 30, 2009

Este final de mês os filmes de terror dominaram o nosso Top 10 de Bilheteria.

Premonição 4 ficou com o ouro, e Halloween 2 com o bronze. O que mais me irrita é que Premonição foi feita totalmente em 3d, até ai tudo bem, só que os brasileiros só terão a chance de ver em 4 de dezembro!

A trupe guerrilheira Judaica de Bastardos Inglórios, com direção de Tarantino conseguiu em 10 dias de apresentação todo valor de seu custo. E a posição de prata.

Distrito 9, já abocanhou 90 milhões, com um custo de 30. Para saber mais clique aqui e veja o que já falamos sobre o filme.

GI Joe: A Origem de Cobra, soma 132 milhões nos EUA e 254 no Mundo, para quem não viu e um dia já teve um Comandos em Ação, vá ver pois o filme é muito bom.

Posição

Filme

Bilheteria

Bilheteria
Total

Custo

premonicao4_1

Premonição 4

$28,33

$28,33

$40

Bastardos-Inglrios

Bastardos Inglórios

$20,04

$73,76

$70

halloween-2-new-teaser

Halloween II (2009)

$17,40

$17,40

$15

District9

Distrito 9

$10,70

$90,81

$30

gi-joe-movie-baroness

GI Joe: A Origem de Cobra

$8,00

$132,43

$175

julie_and_julia

Julie & Julia

$7,40

$70,99

$40

watch-the-time-travelers-wife-online

The Time Traveler’s Wife

$6,74

$48,19

$39

cinema-shorts

A Pedra Mágica

$4,87

$13,56

8576843633_Va

Aconteceu em Woodstock

$3,74

$3,76

$30

FORA-G~1

Força G

$2,84

$111,80

“Médium” prevê acidente com lucro de 28 milhões, soldados judeus esmagam homicida mascarado? Esta é a Bilheteria da Semana!

agosto 30, 2009

 

Este final de mês os filmes de terror dominaram o nosso Top 10 de Bilheteria.

Premonição 4 ficou com o ouro, e Halloween 2 com o bronze. O que mais me irrita é que Premonição foi feita totalmente em 3d, até ai tudo bem, só que os brasileiros só terão a chance de ver em 4 de dezembro!

A trupe guerrilheira Judaica de Bastardos Inglórios, com direção de Tarantino conseguiu em 10 dias de apresentação todo valor de seu custo. E a posição de prata.

Distrito 9, já abocanhou 90 milhões, com um custo de 30. Para saber mais clique aqui e veja o que já falamos sobre o filme.

GI Joe: A Origem de Cobra, soma 132 milhões nos EUA e 254 no Mundo, para quem não viu e um dia já teve um Comandos em Ação, vá ver pois o filme é muito bom.

 

Posição Filme  Bilheteria
Bilheteria
Total  
Custo 
premonicao4_1   Premonição 4

$28,33

$28,33

$40

Bastardos-Inglrios

Bastardos Inglórios

$20,04

$73,76

$70

halloween-2-new-teaser

Halloween II (2009)

$17,40

$17,40

$15

District9

Distrito 9

 $10,70

$90,81

$30

gi-joe-movie-baroness

GI Joe: A Origem de Cobra

$8,00

$132,43

$175

julie_and_julia

Julie & Julia

 $7,40

$70,99

$40

watch-the-time-travelers-wife-online

The Time Traveler’s Wife

$6,74

$48,19

$39

cinema-shorts

A Pedra Mágica

$4,87

$13,56

8576843633_Va

Aconteceu em Woodstock

$3,74

$3,76

$30

FORA-G~1

 Força G

 $2,84

$111,80

Megan Fox Será a Mulher-Gato em Batman: Será que ela está preparada para o papel?

agosto 27, 2009

fox A atriz Megan Fox, estrela de “Transformers”, será a nova Mulher-Gato, informou o tabloide britânico “The Sun”.

Ela interpretará a vilã na próxima sequência de “Batman”, dirigida por Christopher Nolan, e com Christian Bale e Michael Caine.

Michelle Pfeiffer, em “Batman – O Retorno”, e, Halle Berry, em “Mulher-Gato”, já assumiram o papel de Selina Kyle em outras ocasiões.

Ainda de acordo com o “The Sun”, a continuação de “Batman – O Cavaleiro das Trevas” será lançada apenas em 2011.

Mas a mulher gato não é uma personagem qualquer, é o amor bandido do batman, que saber mais sobre ela? Fiz um resuminho da evolução da mesma no quadrinho e na tv:

catwoman_cover_74_by_adamhughes

Personagem da Mulher Gato, surgiu em 1940, na revista Batman # 1 (curiosamente, o Coringa também apareceu nessa edição), com o nome original “The Cat. Desde as primeiras histórias, The Cat já era uma ladra e Batman sempre demonstrou uma certa complacência em relação à felina: após recuperar os frutos do roubo de The Cat, Batman simplesmente deixa a mocinha escapar.

Durante um bom tempo, Bob Kane (criador do Batman e de grande parte das personagens da série, juntamente com Bill Finger) tentou encontrar o visual (usando a própria namorada como modelo) e o nome ideais para a personagem. Depois de algumas aparições como The Cat, ela se transformou em Selina Kyle, uma dona de lojas de animais que simplesmente decidiu se tornar ladra e mudou o nome para Mulher Gato (Catwoman). Vestida com um esvoaçante vestido de seda e portando um chicote, ela se tornou uma das personagens mais sexies da história dos quadrinhos.

A maioria de seus crimes era relacionada com gatos e Selina nunca foi nada mais que uma ladra. Não era necessariamente uma personagem “má”, mas sim uma aventureira que sentia um prazer especial em burlar a lei e trazer dor de cabeça para o Morcegão.

Desde o início também ficou subentendida uma certa tensão sexual e um atrativo romântico entre a Mulher Gato e o Batman. Talvez, na cabeça dos criadores da personagem, nada melhor para pegar um rato voador do que um gato, ou melhor, uma gata.

catwoman4 Com a onda de moralização que varreu os quadrinhos durante os anos 50, a personagem acabou ficando um pouco para escanteio, até que, graças à batmania deflagrada pela série de TV estrelada por Adam West (Batman) e Burt Ward (Robin), a Mulher Gato voltou ao auge.

Na série, ela era vivida primeiramente pela atriz Julie Newmar (foto acima). Na imaginação da maioria dos fãs, nunca houve nem haverá uma Mulher Gato como Newmar. Sexy e divertida, a versão da Mulher Gato vivida por Newmar não tinha a dualidade moral da personagem dos quadrinhos. Ela era uma vilã, mas ainda assim sedutora e carismática. Um femme fatale vestida em látex e com orelhas de gato. Nem o Batman poderia resistir ao seu charme. Coitadinha da Hale Berry perto de Julie. O sucesso da personagem foi tanto que, nos quadrinhos, a Mulher Gato passou a ser retratada fisicamente de forma semelhante à personagem da série.

O sucesso do seriado do Batman foi tamanho que decidiram fazer um longa metragem com as personagens. Como a série, o longa era nada mais nada menos que uma sátira exagerada ao universo dos Comics. No filme, um grupo de vilões, formado pelo Coringa (Cesar Romero), Charada (Frank Gorshin), Pingüim (Burgess Meredith) e Mulher Gato, decide atacar os líderes mundiais, cabendo à dupla dinâmica impedir esse vil intento. Na época, Julie Newmar não estava disponível, pois estava filmando O Ouro de MacKenna (famoso pela cena em que ela aparece “nua”), e foi substituída quase à altura por Lee Meriwether (foto à direita), uma ex-Miss América.

catwoman8 Na terceira temporada da série, saiu Julie Newmar e entrou a cantora Eartha Kitt (foto ao lado) em seu lugar. A explicação oficial foi a de que Julie Newmar estava com a agenda cheia no período. No entanto, segundo as más línguas, tudo não passou de uma manobra para não deslocar as atenções do público para a Batgirl como possível interesse romântico do Batman. Isso porque a Mulher Gato de Eartha Kitt é muito mais cômica e exagerada que a protagonizada por Newmar.

catwoman7 Pouco tempo depois, também foi lançado um desenho animado estrelado por Batman e Robin. Nele, o uniforme da Mulher Gato, apesar de verde, era inspirado no do seriado. Ela era uma vilã propriamente dita, cercada de capangas e dirigia um Gatomóvel e um Gatocóptero – todos com enormes orelhas de gato. Sem comentários.

michael_keaton4 Em 1992, Tim Burton dirige Batman – O Retorno, segundo filme da franquia do Cavaleiro das Trevas no cinema. Aqui, Selina (vivida por Michelle Pfeiffer, ao lado na foto) era secretária de Max Schreck (Christopher Walken). Após descobrir uma de suas falcatruas, ela foi assassinada por ele. Misteriosamente, é revivida por vários gatos, tornando-se a sexy vilã Mulher Gato. Aliada ao Pingüim (Danny DeVito), coloca em ação um plano para prejudicar Gotham City e Schreck, tendo o intento de se vingar do seu ex-chefe. Como nos quadrinhos, existe uma forte atração entre a Mulher Gato e o Batman (Michael Keaton), assim como entre seus alter-egos Selina Kyle e Bruc e Wayne. A atuação de Michelle Pfeiffer é marcante e torna a Mulher Gato tão sexy, dual e carismática quanto à versão protagonizada por Newmar na série de TV. Ou talvez muito mais.

catwoman2 A versão Mulher Gato de Pfeiffer impressionou tanto que a personagem foi retratada loira no excelente desenho Batman The Animated Series (de Paul Dini e Bruce Timm), tal como a atriz, ao invés de morena, como nos quadrinhos. Somente depois de algumas temporadas é que a Mulher Gato passou a ter seu cabelo moreno clássico de volta. No desenho, a identidade de Selina como Mulher Gato é de conhecimento público e ela inclusive não é tão “vilã” como em suas outras versões, sendo até retratada como uma ativista de Direitos dos Animais. Na versão animada, ela era dublada por Adrienne Barbeau.

Enquanto isso, nos quadrinhos, a Mulher Gato começou a ganhar mais espaço dentro do universo do Morcego e passou a protagonizar sua própria revista. Escrita por Jo Duffy e desenhada por Jim Balent, a versão da Mulher Gato mostrada nessa série era muito mais aventuresca e bem humorada que a sombria versão recriada por Miller.

Recentemente, a série foi reformulada. Muitas das pontas soltas deixadas para trás, inclusive o passado de Selina Kyle como prostituta, foram retomadas e novamente explicadas. O uniforme da personagem mudou outra vez e a história enfatiza mais numa espécie de guerrilha urbana.

Loeb aproveitou bem essa “nova” Mulher Gato na sua mega saga Silêncio, publicada no Brasil pela Panini e desenhada por Jim Lee. Nela, Loeb tentou estreitar os laços entre a Mulher Gato e o Homem Morcego, tornando o romance entre os dois ainda mais explícito.

catwoman_HalleBerry A verdadeira Mulher Gato sempre fascinou seus fãs não apenas por seu jeito sexy e um pouco selvagem, mas pela sua força, carisma e dualidade moral. Enfim, uma personagem intrigante e sedutora, muito diferente da pateta desmiolada representada por Halle Berry. E um dos piores filmes de Heróis já feito.

A Megan Fox é uma bonitinha que faz filmes, para o papel de Selina, seria necessária uma atriz devido a complexidade da personagem, será que ela mostrará seu potencial ou vai fazer que nem a Helle Berry?

Megan Fox Será a Mulher-Gato em Batman: Será que ela está preparada para o papel?

agosto 27, 2009

 

fox A atriz Megan Fox, estrela de "Transformers", será a nova Mulher-Gato, informou o tabloide britânico "The Sun".

Ela interpretará a vilã na próxima sequência de "Batman", dirigida por Christopher Nolan, e com Christian Bale e Michael Caine.

Michelle Pfeiffer, em "Batman – O Retorno", e, Halle Berry, em "Mulher-Gato", já assumiram o papel de Selina Kyle em outras ocasiões.

Ainda de acordo com o "The Sun", a continuação de "Batman – O Cavaleiro das Trevas" será lançada apenas em 2011.

Mas a mulher gato não é uma personagem qualquer, é o amor bandido do batman, que saber mais sobre ela? Fiz um resuminho da evolução da mesma no quadrinho e na tv:

                                 catwoman_cover_74_by_adamhughes 

Personagem da Mulher Gato,  surgiu em 1940, na revista Batman # 1 (curiosamente, o Coringa também apareceu nessa edição), com o nome original "The Cat. Desde as primeiras histórias, The Cat já era uma ladra e Batman sempre demonstrou uma certa complacência em relação à felina: após recuperar os frutos do roubo de The Cat, Batman simplesmente deixa a mocinha escapar.

 

Durante um bom tempo, Bob Kane (criador do Batman e de grande parte das personagens da série, juntamente com Bill Finger) tentou encontrar o visual (usando a própria namorada como modelo) e o nome ideais para a personagem. Depois de algumas aparições como The Cat, ela se transformou em Selina Kyle, uma dona de lojas de animais que simplesmente decidiu se tornar ladra e mudou o nome para Mulher Gato (Catwoman). Vestida com um esvoaçante vestido de seda e portando um chicote, ela se tornou uma das personagens mais sexies da história dos quadrinhos.

A maioria de seus crimes era relacionada com gatos e Selina nunca foi nada mais que uma ladra. Não era necessariamente uma personagem "má", mas sim uma aventureira que sentia um prazer especial em burlar a lei e trazer dor de cabeça para o Morcegão.

Desde o início também ficou subentendida uma certa tensão sexual e um atrativo romântico entre a Mulher Gato e o Batman. Talvez, na cabeça dos criadores da personagem, nada melhor para pegar um rato voador do que um gato, ou melhor, uma gata.

catwoman4Com a onda de moralização que varreu os quadrinhos durante os anos 50, a personagem acabou ficando um pouco para escanteio, até que, graças à batmania deflagrada pela série de TV estrelada por Adam West (Batman) e Burt Ward (Robin), a Mulher Gato voltou ao auge.

 

Na série, ela era vivida primeiramente pela atriz Julie Newmar (foto acima). Na imaginação da maioria dos fãs, nunca houve nem haverá uma Mulher Gato como Newmar. Sexy e divertida, a versão da Mulher Gato vivida por Newmar não tinha a dualidade moral da personagem  dos quadrinhos. Ela era uma vilã, mas ainda assim sedutora e carismática. Um femme fatale vestida em látex e com orelhas de gato. Nem o Batman poderia resistir ao seu charme. Coitadinha da Hale Berry perto de Julie. O sucesso da personagem foi tanto que, nos quadrinhos, a Mulher Gato passou a ser retratada fisicamente de forma semelhante à personagem da série.

O sucesso do seriado do Batman foi tamanho que decidiram fazer um longa metragem com as personagens. Como a série, o longa era nada mais nada menos que uma sátira exagerada ao universo dos Comics. No filme, um grupo de vilões, formado pelo Coringa (Cesar Romero), Charada (Frank Gorshin), Pingüim (Burgess Meredith) e Mulher Gato, decide atacar os líderes mundiais, cabendo à dupla dinâmica impedir esse vil intento. Na época, Julie Newmar não estava disponível, pois estava filmando O Ouro de MacKenna (famoso pela cena em que ela aparece "nua"), e foi substituída quase à altura por Lee Meriwether (foto à direita), uma ex-Miss América.

catwoman8Na terceira temporada da série, saiu Julie Newmar e entrou a cantora Eartha Kitt (foto ao lado) em seu lugar. A explicação oficial foi a de que Julie Newmar estava com a agenda cheia no período. No entanto, segundo as más línguas, tudo não passou de uma manobra para não deslocar as atenções do público para a Batgirl como possível interesse romântico do Batman. Isso porque a Mulher Gato de Eartha Kitt é muito mais cômica e exagerada que a protagonizada por Newmar.

                                    

catwoman7Pouco tempo depois, também foi lançado um desenho animado  estrelado por Batman e Robin. Nele, o uniforme da Mulher Gato, apesar de verde, era inspirado no do seriado. Ela era uma vilã propriamente dita, cercada de capangas e dirigia um Gatomóvel e um Gatocóptero – todos com enormes orelhas de gato. Sem comentários.

 

michael_keaton4 Em 1992, Tim Burton dirige Batman – O Retorno, segundo filme da franquia do Cavaleiro das Trevas no cinema. Aqui, Selina (vivida por Michelle Pfeiffer, ao lado na foto) era secretária de Max Schreck (Christopher Walken). Após descobrir uma de suas falcatruas, ela foi assassinada por ele. Misteriosamente, é revivida por vários gatos, tornando-se a sexy vilã Mulher Gato. Aliada ao Pingüim (Danny DeVito), coloca em ação um plano para prejudicar Gotham City e Schreck, tendo o intento de se vingar do seu ex-chefe. Como nos quadrinhos, existe uma forte atração entre a Mulher Gato e o Batman (Michael Keaton), assim como entre seus alter-egos Selina Kyle e Bruce Wayne. A atuação de Michelle Pfeiffer é marcante e torna a Mulher Gato tão sexy, dual e carismática quanto à versão protagonizada por Newmar na série de TV. Ou talvez muito mais. 

catwoman2 A versão Mulher Gato de Pfeiffer impressionou tanto que a personagem foi retratada loira no excelente desenho Batman The Animated Series (de Paul Dini e Bruce Timm), tal como a atriz, ao invés de morena, como nos quadrinhos. Somente depois de algumas temporadas é que a Mulher Gato passou a ter seu cabelo moreno clássico de volta. No desenho, a identidade de Selina como Mulher Gato é de conhecimento público e ela inclusive não é tão "vilã" como em suas outras versões, sendo até retratada como uma ativista de Direitos dos Animais. Na versão animada, ela era dublada por Adrienne Barbeau.

Enquanto isso, nos quadrinhos, a Mulher Gato começou a ganhar mais espaço dentro do universo do Morcego e passou a protagonizar sua própria revista. Escrita por Jo Duffy e desenhada por Jim Balent, a versão da Mulher Gato mostrada nessa série era muito mais aventuresca e bem humorada que a sombria versão recriada por Miller.

Recentemente, a série foi reformulada. Muitas das pontas soltas deixadas para trás, inclusive o passado de Selina Kyle como prostituta, foram retomadas e novamente explicadas. O uniforme da personagem mudou outra vez e a história enfatiza mais numa espécie de guerrilha urbana.

Loeb aproveitou bem essa "nova" Mulher Gato na sua mega saga Silêncio, publicada no Brasil pela Panini e desenhada por Jim Lee. Nela, Loeb tentou estreitar os laços entre a Mulher Gato e o Homem Morcego, tornando o romance entre os dois ainda mais explícito.

catwoman_HalleBerry A verdadeira Mulher Gato sempre fascinou seus fãs não apenas por seu jeito sexy e um pouco selvagem, mas pela sua força, carisma e dualidade moral. Enfim, uma personagem intrigante e sedutora, muito diferente da pateta desmiolada representada por Halle Berry. E um dos piores filmes de Heróis já feito.

A Megan Fox é uma bonitinha que faz filmes, para o papel de Selina, seria necessária uma atriz devido a complexidade da personagem, será que ela mostrará seu potencial ou vai fazer que nem a Helle Berry?

Análise – Se Beber Não Case

agosto 23, 2009

sebebernaocase_3
Resumo: Alguns caras piram em Las Vegas e nos trazem a melhor comédia do ano!

Após meses falando por aqui sobre a bilheteria de “Se Beber, Não Case” fomos conferir o porquê de tanta gente indo ao cinema. Se você é como eu e adorara dar umas boas risadas só posso dizer que pra quem gosta do gênero humor escrachado, é um prato cheio.

“Se Beber, Não Case” é um filme sobre uma despedida de solteiro que tomou um rumo um tanto quanto inesperado. Quatro amigos sem noção decidem comemorar os últimos dias de solteiro de um deles em Las Vegas. Só isso já dá uma idéia do que pode acontecer, certo? Pois é: três deles acordam na manhã seguinte e descobrem que o noivo sumiu! E o pior, nenhum deles se lembra do que aconteceu.

Para que possam encontrar o noivo deparecido, os três amigos vão ter que reconstituir os passos da noite anterior e descobrir em que momento as coisas começaram a desandar enquanto a noiva se prepara para o casamento, sem saber de nada do que aconteceu. Será que eles vão conseguir?

Entre um tigre e um bebê que encontram no quarto, um casamento não esperado, um carro de política roubado, um chinês maluco, uma visita de Mike Tyson e diversas outras situações inusitadas e muito engraçadas, os espectadores têm um roteiro certo de render muitas gargalhadas.

Seguem abaixo algumas imagens do filme e o trailer pra você adicionar uma ida ao cinema na programação deste domingo.

sebebernaocase_9 Alan, Phill, Stu e Doug (o noivo) chegam ao hotel: Até aqui, tudo bem.

0,,21083852,00 A bebedeira começa no telhado do hotel. Uh-oh.

sebebernaocase_6
O saldo da ressaca: um bebê, um tigre, um dente faltando e um noivo sumido.

sebebernaocase_8
Mr Chow: Um chinês bem louco quer seus U$ 80 mil pra ontem!

Você também pode acessar o site do filme clicando aqui.

Análise – Se Beber Não Case

agosto 23, 2009

sebebernaocase_3 
Resumo: Alguns caras piram em Las Vegas e nos trazem a melhor comédia do ano!

Após meses falando por aqui sobre a bilheteria de “Se Beber, Não Case” fomos conferir o porquê de tanta gente indo ao cinema. Se você é como eu e adorara dar umas boas risadas só posso dizer que pra quem gosta do gênero humor escrachado, é um prato cheio.

“Se Beber, Não Case” é um filme sobre uma despedida de solteiro que tomou um rumo um tanto quanto inesperado. Quatro amigos sem noção decidem comemorar os últimos dias de solteiro de um deles em Las Vegas. Só isso já dá uma idéia do que pode acontecer, certo? Pois é: três deles acordam na manhã seguinte e descobrem que o noivo sumiu! E o pior, nenhum deles se lembra do que aconteceu.

Para que possam encontrar o noivo deparecido, os três amigos vão ter que reconstituir os passos da noite anterior e descobrir em que momento as coisas começaram a desandar enquanto a noiva se prepara para o casamento, sem saber de nada do que aconteceu. Será que eles vão conseguir?

Entre um tigre e um bebê que encontram no quarto, um casamento não esperado, um carro de política roubado, um chinês maluco, uma visita de Mike Tyson e diversas outras situações inusitadas e muito engraçadas, os espectadores têm um roteiro certo de render muitas gargalhadas.

Seguem abaixo algumas imagens do filme e o trailer pra você adicionar uma ida ao cinema na programação deste domingo.

sebebernaocase_9Alan, Phill, Stu e Doug (o noivo) chegam ao hotel: Até aqui, tudo bem.

0,,21083852,00A bebedeira começa no telhado do hotel. Uh-oh.

sebebernaocase_6 
O saldo da ressaca: um bebê, um tigre, um dente faltando e um noivo sumido.

sebebernaocase_8
Mr Chow: Um chinês bem louco quer seus U$ 80 mil pra ontem!

Você também pode acessar o site do filme clicando aqui.

Estréias da semana – 21/08

agosto 19, 2009

Fonte: Cinemark

VERONIKA DECIDE MORRER

Elenco: Sarah Michelle Gellar, Jonathan Tucker, Erika Christensen, Melissa Leo, David Thewlis
Direção: Emily Young
Gênero: Drama
Sinopse: Veronika é uma bela jovem, com um bom trabalho e apartamento em Nova York. Porém para ela as pessoas são frias e vazias. Ela não aceita a idéia de viver uma vida sem sentido e decide morrer com uma overdose de calmantes. Ao acordar de um coma em uma clinica descobre que terá apenas uma semana de vida. Nesta adaptação da mais peculiar obra de Paulo Coelho vemos como a morte pode provocar intensas transformações em nossa visão da vida.

SE BEBER, NÃO CASE

Elenco: Bradley Cooper, Ed Helms, Zach Galifianakis, Heather Graham, Justin Bartha
Direção: Todd Phillips
Gênero: Comédia
Sinopse: Três amigos vão para Las Vegas curtir uma festa de despedida de solteiro, e, em meio à bebedeira, acabam perdendo o noivo a apenas 40 horas do início da cerimônia. Todos estão de ressaca e ninguém se lembra o que aconteceu. Para encontrar o noivo desaparecido, os três amigos terão de refazer os passos da noite anterior e descobrir em que momento as coisas começaram a desandar.

Hobbit pode Virar uma Trilogia

agosto 19, 2009

bilboNo mês passado Peter Jackson falou na Comic-Com que Hobbit ia sair em dois filmes, mas o site Marketsaw, afirmou que a idéia secreta ( e talvez real), seria três filmes, e todos 3d! Seriam os dois primeiros filmes dirigido por Guillermo Del Toro, e o terceiro por Jackson, este último seria a ligação final com a trilogia do anel.

Oficialmente, temos apenas as datas dos dois (primeiros) filmes. Um sai no final de 2011 e o segundo no final de 2012. Nota do Rhodes: Quero ver enrolar a história para três filmes.