Archive for the ‘Filmes – Análises’ Category

Kick Ass: o filme

outubro 16, 2010

 wewewew Quando li Kick Ass pela primeira vez foi no ano de 2008, a proposta de um garoto que adora gibis, e sem nenhum poder, que resolve combater o crime parecia meramente comum.

Mas ao ler os dois primeiros números, você percebe as diferenças, desde o drama de esconder de seu pai o seu segredo e não o magoar até as burradas que um mero mortal sofre ao enfrentar o perigo nas ruas.

O ponto mais forte deste herói é sua persistência, ela apanha, apanha e apanha, é esfaqueado e sofre todas formas de agressões possíveis, mas não desiste e sempre se foca no bem maior.

É muito fácil um Peter Paker ou Wolverine enfrentarem o perigo, mas um mortal? Sem poderes, recuperação lenta? Sem ser a prova de balas? Sem experiência ou alguém que o ensine?

Vale o filme que está para sair? Sim vale. Mas duvido que supere o gibi.

Esta mania de Remakes enche um pouco, mas algo original pode nos entreter.

Nicolas Cage está na película, ele conseguiu realizar seu sonho, será um herói, o BIG DADDY, pai da Hit Girl, uma menininha assassina e muito boa de briga.

Para não estragar a história e deixar quem quer assistir o filme, paro por aqui, colocarei abaixo algumas comparações dos quadrinhos com o filme.

Mas recomendo ler o original também.

O gibi e filme seguem a sequência inicial idêntica

 Sem Título-2

Sem Título-1 cópia

Sem Título-3 

Hir Girl: Assassina treinada pelo seu pai.

Sem Título-6

Kick Ass: “Posso não voar, mas sei chutar umas bundas

Sem Título-4 cópia

 

Crítica: Lua Nova

novembro 24, 2009

Edward e Bella

Então, finalmente (e põe finalmente nisso!) a estréia de Lua Nova chegou!

Que o filme é um sucesso de bilheteria já se sabe. A equipe conferiu a pré estréia do filme na quinta feira,  no Cine Roxy em Santos e até postamos fotos no twitter para ilustrar as aglomerações e filas que estava no cinema rolando no cinema. Só de aparecer o título do filme na telona foi uma gritaria só!

Mas não é para trazer números de bilheteria que estou aqui e sim para fazer a análise do novo filme da saga.

Sendo assim, aqui vamos nós…

A adaptação da história

Surpreendentemente, o roteiro está bem similar ao livro, exceto por alguns pedaços que me parecem terem sido adicionados para trazer mais ação ao filme que devido ao sentimento melancólico da Bela dá uma sensação de ser bem mais parado que o primeiro filme. Além disso, criaram uma nova forma de fazer o Edward “aparecer” mais, já que no livro ele fica ausente em boa parte. Nada a reclamar disso, certo, meninas?

Untitled Sports Movie 
É Jacob quem melhora o sofrimento de Bella quando Edward vai embora.

A mudança de direção

A direção do filme está MUITO melhor. As cenas trazem muito da emoção do livro, souberam ilustrar muito bem diversas das partes. As transições de algumas cenas são feitas com maestria, como no momento em que Edward e Bella observaram um quadro dos Volturi. Sensacional! Se alguém tinha dúvidas do porque da Catherine Hardwicke ter sido dispensada após o primeiro filme, fica totalmente compreensível depois de assistir à Lua Nova. O Chris Weitz usou algumas técnicas de câmera bem legais, que complementam a cena.

chris weitz e robert pattinson 
Chris Weitz dirige Robert Pattinson: uma ótima mudança

Os atores e personagens

Apesar de eu não gostar muito da atuação da Kirsten Stewart ela melhorou muito no quesito atuação. Eu sempre tive a impressão de que ela tem uma cara de “eu não queria estar aqui”. Até nas entrevistas que ela deu sobre o filme deu pra sentir uma amadurecida e isso transparece nas telas também.

Robert Pattinson também continua fazendo a mulherada delirar no cinema, mas deram tanta frase melosa pro coitado nas poucas cenas em que aparece que até eu confesso ter olhado pra cima de vez em quando.

Quem se destaca neste filme é Taylor Lautner que consegue representar dois momentos diferentes do personagem Jacob: no começo bastante inocente e depois de uma mudança (não vou falar pra evitar spoilers) ele parece muito mais amargurado e agressivo.

O Michael Sheen que interpreta Aro também atua muito bem. Soube representar muito bem a frieza e falsidade do personagem.

aro 
Michael Sheen é Aro, um volturi muito respeitado no mundo vampírico. 

Os efeitos especiais

Uma ENORME evolução em relação ao primeiro. Se antes parecia que os vampiros correndo era nada menos que a fita sendo acelerada caseiramente, agora temos lobos extremamente realistas na tela, cena de Edward sendo torturado que é de arrepiar assim como a cena de briga que é bastante convincente… Provavelmente essa melhoria se dá pelo orçamento muito maior que dedicaram a este filme após o sucesso do primeiro, mas mesmo assim, agrada muito mais.

jake_the_wolf 
Vovó, pra que essa boca tão grande? Os lobos do filme são bem realistas.

Mas mesmo assim, souberam corrigir alguns detalhes que faltaram no primeiro: os vampiros da saga estão brancos feito parede e em alguns momentos parecem mesmo com o aspecto marmorizado que a escritora descreve em seus livros; Victoria é agora a ruiva de cabelos de fogo e não mais a ruiva com cabelos de água de salsicha (acho que no filme anterior ficaram sem verba pro Wellaton, hehe) e graças a deus tiraram aquele barulhinho de sinos ou coisa do tipo quando o Edward se expõe ao sol. Hooray!

Resumindo, o filme está sensacional para quem é fã e também para quem não é. Mas se você está atrás de um mega filme de ação, esse filme não é para você.

Ainda assim, Lua Nova é diversão garantida e muito bem adaptada. Agora para os fãs, como eu, começa a contagem regressiva para a adaptação de Eclipse, terceiro livro da saga.

Saiba se sua série preferida vai ser cancelada!

outubro 5, 2009

A fall season americana começou há pouco tempo, mas já começam a surgir especulações sobre as séries que serão renovadas ou canceladas. Agora você pode conferir um quadro feito pelo TV By The Numbers que indica quais séries que estão com grandes chances de ser canceladas (cor vermelha), quais estão na corda bamba (cor laranja) e quais estão com grandes chances de ser renovadas (cor verde).

Na lista das séries que estão com grandes chances de cancelamento, podemos ver Dollhouse, que teve uma audiência muito fraca no premiere da segunda temporada, e o remake de Melrose Place. Na lista das séries que correm risco, podemos conferir Fringe e Brothers & Sisters. Os tops da lista das séries que estão com fortes chances de renovação são Grey’s Anatomy e House, que vem arrebentando na audiência.

renew-cancel

Dica de filmes- tema: Secretária

setembro 30, 2009

Hoje, dia 30 de setembro comemora-se o dia da secretária, em homenagem a estas profissionais selecionamos 5 filmes sobre a profissão:

 

51DRCHSNSWL__SL500 Como eliminar seu chefe

O cinema americano iniciou a década de 1980 com essa divertida comédia feminista que buscavam provar que as mulheres queriam  direitos iguais aos dos homens no mundo corporativo.
A história se passa num escritório e é centrada em quatro personagens: a gerente certinha (Tomlin), a infeliz que acabou de se divorciar (Fonda) e a recém-contratada (Parton), secretária do chefe (Coleman).

   O problema é o chefe: um sujeito que além de mal-educado e cruel, é o maior machista que se pode conhecer. Ainda assim todos pensam que ele tem um caso com a secretária, o que não é verdade, mas ela é desprezada pelas amigas.

Quando tudo é devidamente esclarecido, as três se unem para pôr em prática o que o título em português já esclarece

 

working_girl_ver2

Uma Secretária de Futuro

Beleza. Inteligência. Charme. Tess McGill (Melanie Griffith) tem todas essas qualidades. Na verdade, tudo nela está correto, exceto o corte de cabelo correto, as roupas adequadas e, o mais importante, o emprego certo. Tendo sido passada para trás diversas vezes em sua luta para deixar de ser secretária em Wall Street, e conseguir um cargo de gerência, Tess decide assumir o controle de seu futuro. Quando sua charmosa, sedutora e traiçoeira chefe (Sigourney Weaver) quebra a perna esquiando, Tess literalmente fica com a posição de sua chefe, bem como seu apartamento, seu escritório e seus vestidos de US$ 6 mil. Adequadamente disfarçada, Tess alia-se a um capaz – e atraente – empresário de Wall Street (Harrison Ford). Juntos, eles arquitetam um plano que pode arremessar Tess ao sucesso – ou para o espaço sideral.

 

a-queda-as-ultimas-horas-de-hitler

 A queda! As últimas horas de Hitler

Imagina ser secretária de Hitler? e o pior estar junto dele em seus últimos dias?

No meio de uma noite de novembro de 1942, um grupo de jovens mulheres é escoltado por oficiais das SS, através do bosque, até a Toca do Lobo, o QG de Hitler na Prússia Oriental. São candidatas ao cargo de secretária pessoal do Führer. Entre elas, está Traudl Junge, uma jovem de Munique, de 22 anos. Ela é escolhida para o trabalho, e a idéia de servir ao Führer pessoalmente a deixa radiante.
Em abril de 1945 os russos tomam Berlim deixando o exército alemão em pânico. No bunker instalado no subterrâneo da capital – uma caixa de cimento a prova de qualquer bomba – Hitler e seus principais assessores planejam ações militares para eliminar o inimigo, mesmo sabendo que a derrota está próxima.
O Führer está assustado, Eva Braun, sua namorada e depois esposa mantém a moral em alta dançando e cantando com os oficiais. Goebbels e sua mulher trazem os seis filhos para o bunker na esperança de um milagre. O 3º Reich está com as horas contadas.

 

Diabo veste Prada

 O Diabo Veste Prada

Andrea Sachs é uma recém formada em busca da primeira oportunidade em sua carreira. Apaixonada por escrever e leitora de veículos "sérios" como The New Yorker, Newsweek and Times, ela acabou sendo escolhida pela mais importante revista de moda de Nova York para fazer o trabalho "que milhões de garotas morreriam para ter": ser a segunda assistente de Miranda Priestley, conhecida como a mais influente e importante mulher da indústria da moda. Seu contrato teria duração de um ano, ao fim do qual ela conseguiria o emprego que desejasse. E é motivada por esse futuro trabalho dos sonhos que ela enfrenta horas sem dormir, plantões de trabalho intermináveis e toda uma linha de desafios e malabarismos carreiristicos para agradar a exigente e poderosa Miranda. Tudo narrado com muito humor e classe. Ïmperdível para aqueles que adoram uma bolsinha Prada, um sapatinho Manolo ou um jeans sexy Dolce & Gabanna.

 

2yjq3yx

 A Secretária ( Escolha Polêmica)

Secretária é um filme que junta a fome com a vontade de comer. A trama narra o encontro de um advogado sádico (o que não deixa de ser uma redundância) com uma secretária masoquista. Provavelmente, seria o filme romântico preferido do Marques de Sade.

Lee Holloway (Maggie Gyllenhaal) se candidata a uma vaga de secretária na firma de advocacia de E. Edward Grey (James Spader). Infelizmente, Lee não é dona do melhor currículo do mundo. Ela recebeu alta, recentemente, de uma instituição para doentes mentais. Seu problema? Lee adora se auto-mutilar. Aliás, considerando a família que ela tem não é de se estranhar.

Apesar de todos os defeitos, ela é contratada pelo misterioso e taciturno Sr. Grey. A princípio o trabalho parece normal, mas Lee rapidamente vai descobrir que o advogado é um amante da evolução na base da dor. E os erros de digitação não podem ser perdoados.

O mais incrível é que a relação entre secretária e advogado funciona. Mesmo quando Lee começa a errar memorandos de propósito. O excêntrico casal, porém, acaba se separando. Até que finalmente descobrem que foram feitos um para o outro.

10 Melhores Fan Filmes já feitos

setembro 10, 2009

Existem fanboys que são verdadeiros profissionais e levam ao limite essa dedicação criando fan Film perfeitos, e aqui posto os melhores que encontrei.

Antes que um fanboy se manifeste, não estou colocando em ordem de posição ou ranking.

Gremlins Fan Movie: O que aconteceria se essas criaturas infernais invadissem outros filmes famosos?

 

 

Ghostbusters Go to Hell: Ver este Fan Movie me fez ter vontade de jogar o jogo que saiu este ano para o Xbox e PS3.

 

 

The Hunt For Gollum: Continuação dos Senhor dos anéis versão de fã. Detalhe: 39 minutos de filme.

 

Thundercats: A WormyTV passou um ano e meio para criar este trailer em live action de ThunderCats usando imagens de vários filmes ,e computação gráfica e estrelado Brad Pitt como o Lider Lion-O, Hugh Jackman como Tygra e Vin Diesel como Panthro.

 

The Legend of Zelda: feito por fãs e produzido por IGN . Saudades do meu Nitendo 64.

 

He – Man: Trailer com artes conceituais. Muito bem feito.

 

Vampire the Masquerade : E se o RPG mais famoso sobre vampiros torna-se filme? Quantos pontos de sangue você daria para isso acontecer?

 

 

Fallout: Um dos melhores jogos de  RPGs-ação que já saiu, poderia virar um filme? Para o fanboy que produziu o Fanmovie, a resposta é sim! Porém acho que só quem jogou o jogo vai entender este filme.

 

Star Wars Fan Film – Essence of the Force : Um fanboy criou um conto e o produziu. Vale a pena uma olhada.

 

Batman Dead End: Profissional, muito bom.

 

Bônus: Lua nova Trailer – Será que demorará muito para 20 de novembro?

 

Twilight Parody: Juntar Música e Vampiros em uma paródia, e não é que ficou bom? A menina do vídeo tem mais “cara” de Bella que a oficial.

 
Pedido dos Leitores:
 
Batman está morto, Robin agora casado com Barbara (Batgirl), será que aceitará o seu destino? Vem bem acalhar com o momento do Batman nos quadrinhos.
 
 

Análise – Se Beber Não Case

agosto 23, 2009

sebebernaocase_3 
Resumo: Alguns caras piram em Las Vegas e nos trazem a melhor comédia do ano!

Após meses falando por aqui sobre a bilheteria de “Se Beber, Não Case” fomos conferir o porquê de tanta gente indo ao cinema. Se você é como eu e adorara dar umas boas risadas só posso dizer que pra quem gosta do gênero humor escrachado, é um prato cheio.

“Se Beber, Não Case” é um filme sobre uma despedida de solteiro que tomou um rumo um tanto quanto inesperado. Quatro amigos sem noção decidem comemorar os últimos dias de solteiro de um deles em Las Vegas. Só isso já dá uma idéia do que pode acontecer, certo? Pois é: três deles acordam na manhã seguinte e descobrem que o noivo sumiu! E o pior, nenhum deles se lembra do que aconteceu.

Para que possam encontrar o noivo deparecido, os três amigos vão ter que reconstituir os passos da noite anterior e descobrir em que momento as coisas começaram a desandar enquanto a noiva se prepara para o casamento, sem saber de nada do que aconteceu. Será que eles vão conseguir?

Entre um tigre e um bebê que encontram no quarto, um casamento não esperado, um carro de política roubado, um chinês maluco, uma visita de Mike Tyson e diversas outras situações inusitadas e muito engraçadas, os espectadores têm um roteiro certo de render muitas gargalhadas.

Seguem abaixo algumas imagens do filme e o trailer pra você adicionar uma ida ao cinema na programação deste domingo.

sebebernaocase_9Alan, Phill, Stu e Doug (o noivo) chegam ao hotel: Até aqui, tudo bem.

0,,21083852,00A bebedeira começa no telhado do hotel. Uh-oh.

sebebernaocase_6 
O saldo da ressaca: um bebê, um tigre, um dente faltando e um noivo sumido.

sebebernaocase_8
Mr Chow: Um chinês bem louco quer seus U$ 80 mil pra ontem!

Você também pode acessar o site do filme clicando aqui.

“O Mágico de Oz” completa 70 anos

agosto 13, 2009

 

“Totó, acho que não estamos mais em Kansas” / “Não há lugar como o nosso lar”

 

3A885D_1 “O Mágico de Oz”, um dos grandes clássicos da história do cinema, completa nesta quarta-feira 70 anos desde sua estreia nos Estados Unidos, com toda sua magia intacta. É um filme mágico, onde muitos outros copiam suas idéias.

Baseada no livre de L.Frank Baum, o filme conta a história de Dorothy, interpretada por Judy Garland, e em seu cachorro Totó, que chegam à terra de Oz, depois de serem sugados por um tornado no estado americano do Kansas.

Lá conhecem a bruxa boa do norte, que sugere que sigam o caminho das pedras amarelas até encontrar o Mágico de Oz, que poderá os ajudar a voltar para casa. Além disso, a feiticeira dá sapatinhos vermelhos a Dorothy, que terá que bater os calcanhares para poder voltar a seu lar.

Nesse caminho conhecem três acompanhantes: um homem de lata, que quer um coração, um leão que sonha em ter coragem e um espantalho que quer um cérebro.

114654wizardofozlcy9 “Foi uma filmagem complicada, toda a produção foi difícil e muito cara para  época”, comentou Haberkamp.

O filme ganhou dois prêmios Oscar, de melhor trilha sonora e melhor música por “Over the Rainbow” , adoro essa música (ela foi usada no Pinóquio da Disney também) e sua transmissão nas televisões dos EUA se transformou em uma tradição ao longo das décadas.

O filme é baseado no livro Mágico que não é só um, já são inúmeros, a exemplo o quarto livro, Feiticeiro retorna a Oz, junto a Dorothy,e um burro no – embora a Terra de Oz propriamente dita não figure no enredo, já que ambos, junto ao garoto Zeb, um cavalo de charrete e a nova amiguinha de Dorothy, uma gatinha chamada Eureka, enfrentam novos perigos e aventuras num mundo subterrâneo.

Nota de Rhodes  (se aprofundando na história) :

Em 1964, Henry M. Littlefield foi a primeira pessoa a declarar que “O Maravilhoso Feiticeiro de Oz” não era apenas um livro infantil, mas sim uma alegoria ao Movimento Populista ocorrido nos Estados Unidos da América no fim do século XIX. Littlefield publicou um artigo chamado “The Wizard of Oz: Parable on Populism.” no diário estado-unidense chamado “American Quaterly.” Desde então, a teoria da relação do livro com o Partido Populista (Populist Party) vem sendo ensinada nas escolas e faculdades estado-unidenses.

Além de Henry M. Littlefield, muitos outros especialistas em política e história estado-unidenses dizem que o livro é muito mais do que um conto infantil, afirmando que Lyman Frank Baum era um seguidor do Partido Populista, e que esse autor usou o livro para defender o principal ideal desse partido, que era introduzir a prata como moeda de circulação no país, quebrando a hegemonia do ouro – ouro este que era escasso e estava quase que completamente sob o domínio dos donos das indústrias, que, por sua vez, eram na maioria membros do Partido Republicano.

Existem inúmeras interpretações para o que Lyman Frank Baum demonstra com o livro, entre as interpretações mais comuns estão que Dorothy é do estado de Kansas, pois na época era um estado completamente rural onde o Partido Populista era forte, devido a presença de muitos fazendeiros. No livro, Dorothy usa sapatos prateados, que siginificam a prata pisando no ouro, já que toda a estrada era feita de tijolos dourados. No filme os sapatinhos prateados foram convertidos em sapatinhos de rubi – a fim de ressaltar o fato de ser um dos primeiros filmes a cores do cinema.

O Espantalho representa a figura comum de um fazendeiro estado-unidense, que é considerado “sem cérebro” pelas elites industriais mas mesmo assim consegue ajudar a solucionar problemas que surgiram durante a jornada do livro.

O Homem-Lata representa o trabalhador das indústrias do nordeste dos Estados Unidos da América, pessoas exploradas por ricos empresários, que já não tem mais sentimentos e não fazem nada na vida além de trabalhar para ganhar pouco.

O exército de macacos comandado pela Bruxa do Oeste representa os nativos e índios da América do Norte. Em vários trechos do livro podem ser encontradas falas dos macacos onde os mesmos dizem que antes da chegada do homem, eles viviam num reino de paz, sem ter que trabalhar nem servir a ninguém.

E finalmente, o Leão representa o maior nome do Partido Populista, William Jennings Bryan. Um homem muito bom em falar em público, convencendo e persuadindo pessoas sobre a suas idéias, mas que na hora das eleições nunca provou ser realmente forte como parecia. Bryan concorreu a presidência cinco vezes consecutivas e não venceu nenhuma delas.

A interpretação mais comum do fato de que o autor Frank Baum, que era adepto do Partido Populista, ter criticado William J. Bryan em seu livro, é que na última vez em que se candidatou para a presidência dos Estados Unidos da América, Bryan deixou o Partido Populista para se candidatar pelo Partido Democrata, o que contribuiu para o fim do Partido Populista estado-unidense.

o-magico-de-oz-8

Dicas de Filme sobre Advogado

agosto 11, 2009

 

Dicas de filmes sobre advogado

Hoje é 11 de agosto, dia do Advogado, dia da minha profissão, em homenagem indico alguns filmes sobre o tema:

 1_tempodematar01

Tempo de Matar

Num acesso de ódio, homem negro mata dois racistas brancos que, bêbados, estupraram sua filha de 9 anos. Dois advogados idealistas aceitam a causa, num turbulento julgamento que pode acabar em violência, caso as tensões sociais não sejam refreadas. Baseado em romance de John Grisham.

 

 

 

  legalmente-loira1

Legalmente Loira

Ela é uma patricinha de Beverly Hills que pode fazer qualquer coisa para segurar seu homem. Se for preciso, é capaz até mesmo de estudar Direito! Reese Witherspoon (Eleição) estrelando com Luke Wilson (As Panteras), Selma Blair (Segundas Intenções), Matthew Davis (Pearl Harbor) e Victor Garber (Titanic) em uma comédia arrebatadora com sentimentos de ouro – e cabelos da mesma cor! Elle Woods (Witherspoon) é uma loira muito chique da Califórnia, amiga de pessoas maravilhosas e namorada do homem mais cobiçado da escola. Então, quando Warner Huntington III (Davis) repentinamente termina o romance e vai estudar Direito em Harvard, Elle toma as rédeas de sua vida, em sua mãos tão bem cuidadas… Decide ir também para Harvard! Com isso, reatar com o Warner será fácil, certo? Errado! Elle está prestes a começar a batalha mais difícil de sua vida – por amor, honra, justiça e respeito . Quem disse que advogada não pode ser divertida?

 acusados-poster03

Acusados

Sarah Tobias (Jodie Foster) é estuprada em um bar e, ao denunciar a agressão, defronta-se com dois problemas: seus agressores e o sistema penal, no qual as vítimas de estupro são suspeitas em seus próprios casos.

Oscar:

– Ganhou o Oscar de Melhor Atriz (Jodie Foster).

 

  

sol-e-para-todos-poster01

O Sol é para todos

Jean Louise Finch (Mary Badham) recorda que em 1932, quando tinha seis anos, Macomb, no Alabama, já era um lugarejo velho. Nesta época Tom Robinson (Brock Peters), um jovem negro, foi acusado de estuprar Mayella Violet Ewell (Collin Wilcox Paxton), uma jovem branca. Seu pai, Atticus Finch (Gregory Peck), um advogado extremamente íntegro, concordou em defendê-lo e, apesar de boa parte da cidade ser contra sua posição, ele decidiu ir adiante e fazer de tudo para absolver o réu.

 

 

 

 01

Advogado do Diabo

Kevin Lomax (Keanu Reeves), advogado de uma pequena cidade da Flórida que nunca perdeu um caso, é contratado John Milton (Al Pacino), dono da maior firma de advocacia de Nova York. Kevin recebe um alto salário e várias mordomias, apesar da desaprovação de Alice Lomax (Judith Ivey), sua mãe e uma fervorosa religiosa, que compara Nova York a Babilônia. No início tudo parece correr bem, mas logo Mary Ann (Charlize Theron), a esposa do advogado, sente saudades de sua antiga casa e começa a testemunhar aparições demoníacas. No entanto, Kevin está empenhado em defender um cliente acusado de triplo assassinato e cada vez dá menos atenção à sua mulher, enquanto que seu misterioso chefe parece sempre saber como contornar cada problema e tudo que perturba o jovem advogado.

 

Sei que tem muito filme sobre o tema, mas os que me vieram a cabeça são estes agora, quais você indica? Comente aqui!

Super-Pais

agosto 9, 2009

 Fiz uma lista com os sete pais que mais me chamaram a atenção no cinema e quadrinhos, depois gostaria que vocês leitores fizessem sua lista nos comentários!

  Jor-el: Pai de Clark Kent, o Super-Man, que ele enviou em direção ao planeta Terra, ainda bebê, em face da iminente explosão de seu planeta, sacrificando sua vida e indo contra as ordens do governo de Krypton em favor de seu filho. O ator Marlon Brando interpretou Jor-El nas películas Superman.

20070328175102!Jor-el_actioncomics844

jorel_1150756674

 

 

 

 

 

 

 

Bryan Mills (Busca Implacável): ex-agente do governo que faz de tudo para achar sua filha seqüestrada na Europa por agentes de “escravas brancas”. Uma famosa frase dele: “Não sei quem você é. Não sei o que você quer. Se for resgate, vou avisando, não tenho dinheiro. Só tenho a habilidade adquirida em uma longa carreira nas sombras. Habilidade que faz de mim um pesadelo para gente como você. Se soltar minha filha agora, tudo estará resolvido. Não irei atrás de você; sem procura nem perseguição. Se não soltar, vou atrás de você, e vou encontrá-lo. Acabo com você.”

buscaimplacavel_cena busca-implacavel-foto-7

 

 

 

 

 

Antonio Ricci (Ladrões de bicicleta): Sem dinheiro, Ricci conseguem dinheiro para uma bicicleta, possibilitando realizar o seu trabalho. Na história há também o menino Bruno, interpretado por Enzo Staiol. Fascinado por bicicletas, o menino cai de cabeça com o pai na busca pela bicicleta que lhe foi roubada, enquanto Ricci trabalhava em seu primeiro dia. Esse roubo é o empurrão para o desenrolar do filme, a busca incansável de Ricci, seu filho e amigos para recuperar o objeto não só de trabalho, mas de esperança de uma vida melhor da família. O desespero do pai em busca de seu material de trabalho e a sua preocupação em ter dinheiro para alimentar o filho é magnífica e triste.

63803_00005ca8 ladores_de_bicicleta_02

 

 

 

 

 

 

Guido Orefice ( A vida é Bela): Imagine um pai em um campo de concentração com seu filho, todos os horrores que ele pode passar. Mesmo assim o super-pai, faz com que o filho viva em um “mundo à parte” sem perceber todo o terror, sacrificando ao limite para manter essa farsa.

galeria-3 vida-e-bela03

 

 

 

 

 

 

Marlin (Procurando Nemo): Marlin um peixinho minúsculo, atravessa milhares de quilômetros em oceano aberto em busca de seu filho seqüestrado por humanos.

nemo5 findingnemowall

 

 

 

 

 

 

Falcão (Falcão- Campeão dos Campeões): A pedido dos leitores acrescentei este super-pai, que faz de tudo pelo seu filho, enfrenta seu sogro poderoso e criminoso, em meio a um combate de “quebra de braço” onde pretende ganhar o prêmio e assim proporcionar uma vida melhor para o seu filho.

OverTheTop_lobby_card_stallone_and_kid overthetop-379x300

Scott Summers (X-men HQ): Mais conhecido pelo seu pseudônimo, Ciclope teve um filho com Madelyne Pryor, uma clone de Jean Grey que surgiu após a saga conhecida como a Morte da Fênix. Esse filho, Nathan Christopher Charles Summers é que tornou-se o Cable. Durante a época na qual Ciclope fazia parte do X-Factor o vilão Apocalipse infectou seu filho com um vírus artificial cibernético, o Vírus Tecnorgânico (Tecno-Vírus). Não havia nenhuma forma de cura óbvia e o garoto parecia fadado a morrer. No entanto, pouco após a contaminação, surgiu uma mulher que alegava se chamar Askani e dizia ter vindo do futuro com o propósito específico de levar Nathan, a fim de salvá-lo. Askani . Imagina o conflito, será que esta mulher curaria seu filho prester a morrer? Ciclope arriscou e entregou o filho para a cura.

Durante a infância de Cable as mentes de Scott Summers e Jean Grey foram transportados para o futuro e em corpos que se assemelhavam aos originais para que criassem e cuidassem de Nathan. Desde cedo o jovem mutante teve de aprender a usar seus imensos poderes telepáticos e telecinéticos para retardar o avanço do tecno-vírus em seu corpo. Que paizão Heim!

2612798466_f03866b77e 532596-cyclops_super

Sei que poderia ter colocado muitos super-pais, mas ai o post ficaria grande demais.

Harry Potter 6 e a Experiência Imax

julho 19, 2009

Harry Potter 6

Este sábado a equipe Video And Noise foi ao cinema Unibanco no Shopping Bourbon conferir o sexto filme da franquia Harry Potter e também experimentar a tecnologia Imax.

Antes de qualquer coisa, falemos sobre o filme em si que traz muito hormônios adolescentes a flor da pele e um roteiro bastante sombrio.

Neste, não apenas o mundo bruxo se vê ameaçado pelas forças do mal de Voldemort mas também o mundo dos trouxas passa a ser atacado.

Apesar disso, a escola de Hogwarts segue funcionando com segurança reforçada para evitar ao máximo qualquer perigo que os alunos possam vir a correr. Enquanto Harry se divide entre amores adolescentes, conviver com seus amigos e ganhar a confiança do professor Slughorn, Draco Malfoy tenta executar uma complicada tarefa que lhe foi dada.

Juntos, Harry e Dumbledore buscam uma forma de assegurar a perda de Voldemort e arriscam suas vidas na busca das Horcrux.

Como de costume em qualquer adaptação de livro para filmes, trechos importantes da história deixaram de aparecer. Encontrei aqui um resumo dos momentos importantes que foram cortados/alterados. Mas cuidado, pra quem não conhece a história ainda, pode ser spoiler.

No caso das sessões Imax, é possível conferir doze minutos do filme em 3D. Diante das quase três horas de filme, posso afirmar que estes minutos passam extremamente rápido e dada a proporção deste blockbuster, acredito que poderia muito bem ter sido totalmente em 3D.

Ainda assim, faz diferença assistir na tela gigantesca e com som digital. Achei que meu dinheirinho foi muito bem gasto (em São Paulo, um ingresso para sessões imax custa R$ 30,00). Aprovado! Coloco abaixo algumas fotos que tentamos tirar da tela do cinema (simplesmente não cabia na foto). Dica: Se você planeja assistir ao filme numa sala Imax, compre seu ingresso antecipadamente porque as sessões estão lotando rapidamente.

Sala Imax 1  Sala Imax 2

Seguem algumas fotos do filme e o trailer para provar que você precisa fazer uma visitinha ao cinema assim que possível.

Harry Ron e Hermione Harry, Ron e Hermione discutem sobre o livro encontrado por Harry

Draco MalfoyDraco Malfoy, sinistro durante todo o filme

Dumbledore 
Dumbledore mostrando do que é capaz

Harry e Gina 
Harry e Gina: Hormônios pra que te quero

Harry e Dumbledore 
Harry e Dumbledore, em busca das Horcrux